BAIANA SYSTEM (BA)

Baiana SystemDesde 2009 que esse combo formado em Salvador tem causado ebulição na música brasileira. A mistura do sound system jamaicano com a guitarra baiana são o carro-chefe do Baiana System, que também bebe na fonte de outros ritmos: frevo, samba reggae, pagode, ijexá, afoxé, kuduro, cumbia, chula, dub, cabula, cantiga de roda, eletrônica… Ao vivo, Russo Passapusso (voz), Roberto Barreto (guitarra), Marcelo Seco (baixo) e Filipe Cartaxo (concepção visual), além de colaboradores diversos (João Meirelles, Mahal Pitta, Ícaro Sá e JapaSystem, entre outros), provocam uma grande catarse no público – impacto comparável ao que o pernambucano Chico Science fazia ao lado da Nação Zumbi. Em 2010 saiu o homônimo disco de estreia com as participações de BNegão, Lucas Santtana, Roberto Mendes e Gerônimo. Em 2013 foi a vez do EP “Pirata”, com duas faixas inéditas. Mas foi com o segundo álbum, “Duas Cidades”, lançado em 2016, que o grupo conquistou o país. A música “Playsom”, com a participação de Marcio Victor (vocalista e fundador do Psirico), entrou na trilha do videogame “FIFA 2016”. Outro destaque do disco é a faixa-título. Este ano eles soltaram mais dois singles: “Invisível” e “Capim Guiné” (parceria com a cantora transexual angolana Titica, com quem dividiram show no Palco Sunset do “Rock in Rio”). Toca pela primeira vez no Porão do Rock.

 
Mais informações: www.facebook.com/baianasystem

 
 

REALIZAÇÃO:

APOIO:

REALIZAÇÃO:

PATROCÍNIO:

Site Vivo Site Souza Cruz Site Terracap Site BRB Site Uniceub